Fundação Municipal de Cultura Prefeitura de Belo Horizonte

DE 15 A 22 DE OUTUBRO

Bloco Afro Ilú Oba De Min

UBUNTU: encontro da diversidade religiosa

O Ubuntu – Encontro da Diversidade Religiosa – será realizado dia 21 de outubro, sábado, das 16h30 às 18h30, no Parque Municipal, reunindo diferentes grupos ligados às religiões de matriz africana, católica, evangélica, muçulmana e judaica.

A palavra Ubuntu é de origem africana e o significado pode ser resumido como “sou quem sou porque somos todos nós”. A proposta do encontro é justamente e o fortalecimento da diversidade religiosa, firmando a noção de união das diferenças, harmonia entre povos e crenças.
O encontro contará com a mesa de chás, da artista Thereza Portes, e cortejo do Bloco Afro Ilú Obá de Min.

Bloco Afro Ilú Oba De Min

Bloco Afro Ilú Obá De Min

O Ilú Obá De Min tem como base o trabalho com as culturas de matriz africana e afro-brasileira e a mulher. O objetivo é preservar e divulgar a cultura negra no Brasil, mantendo diálogo cultural constante com o continente africano através dos instrumentos, dos cânticos, dos toques, da corporeidade, além de abrir espaço para idéias que visem o fortalecimento individual e coletivo das mulheres na sociedade. O Bloco Afro Ilú Oba De Min é composto exclusivamente por mulheres ritmistas e desde 2005 sai às ruas de São Paulo reverenciando e enaltecendo a cultura afro-brasileira além de destacar a participação e protagonismo das mulheres no mundo.

IMG_8784

Mesa de Chás 

A mesa de chás é uma parceria da artista Thereza Portes com as mulheres do Quilombo de Mangueiras e já faz parte do calendário anual da Festa dos Pretos Velhos do Quilombo Manzo N’gunzo Kaiango. A toalha foi iniciada em 2014 e continua sendo bordada com a participação de várias comunidades quilombolas como a do Capão, Poejo e do Espinho, ambas situadas no Vale do Jequitinhonha. Durante o bordado a toalha adorna uma mesa com chás colhidos nos terreiros, preservando saberes passados de geração em geração.

A intervenção já vem acontecendo nas praças de Belo Horizonte, em eventos como o Festival de Verão da UFMG, Semana de Arte e Política da PUC, com mulheres do MST, Casa Tina Martins, Noturno nos Museus, Temporada FAN, entre outros. A proposta é ocupar a cidade de maneira afetuosa, oferecendo aos moradores uma mesa de chás, e um convite aos transeuntes para um momento de interação coletiva, com bordados de plantas colhidas nos Quilombos.

Programação:
Dia 21 de outubro, das 16h30 às 18h30, no Parque Municipal Américo Renné Giannetti – Av. Afonso Pena, 1377 – Centro.

Programação oficial gratuita.

A entrada no Parque Municipal será por ordem de chegada e o espaço sujeito à lotação. Abertura às 18h30. Não haverá retirada de ingressos antecipada – informações.

 

O FAN BH acontece entre os dias 15 e 22 de outubro, em vários espaços da cidade. A programação completa está disponível em http://www.fanbh.com.br/programacao/.

Foto: Aline Luz